segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Mais de 300 mil eleitores irão votar no exterior

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) anunciou que 354.184 brasileiros que vivem no exterior irão votar nas eleições presidenciáveis. Para esses eleitores, serão disponibilizadas 916 urnas eletrônicas.

Este número representa uma variedade de 92 países diferentes em 168 cidades. Os EUA é o país com o maior montante de eleitores brasileiros, com 112,2 mil. Na sequência aparecem o Japão, com 30,6 mil; Portugal, com 30,4 mil; Itália, com 20,9 mil; e Alemanha, com 17,6 mil.

A votação fora do território nacional é organizada pelo TER-DF (Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal), com o apoio dos consulados ou das missões diplomáticas em cada país. As missões diplomáticas ou repartições consulares comunicarão, aos eleitores votantes no exterior, o horário e o local da votação.

Para poder votar no exterior, o eleitor precisa estar em dia com seus direitos políticos e serviço militar, além de comparecer a embaixada ou repartição consular brasileira responsável e apresentar seus documentos de identificação e comprovante de residência no país.

Nenhum comentário: