sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Consumo de energia no RN cresceu 4,8% em 2014 em relação a 2013

O consumo de energia elétrica no Rio Grande do Norte cresceu 4,8% em 2014, em relação a 2013. A Classe residencial foi a que apresentou o maior percentual de crescimento, com um aumento de 7,1% em comparação ao mesmo período de 2013, motivado pela elevação na renda da população, que favoreceu a compra e o maior uso de aparelhos de refrigeração nas residências, devido às altas temperaturas registradas ao longo do ano, o que elevou o consumo. Em seguida, a classe comercial registrou um aumento de 6,9%, em razão da instalação de equipamentos de refrigeração nos estabelecimentos, também motivada pelas altas temperaturas.

As menores variações no crescimento do consumo de energia elétrica registrado no ano passado ocorreram na classe industrial, com 2,7%, em função da desaceleração da indústria potiguar, e nas classes serviço público/poder público e rural, com crescimento de apenas 2,0% e 0,9%, respectivamente, decorrente da pouca oferta de água nos reservatórios do estado para a irrigação e abastecimento para consumo humano, provocando situação de seca, na região semiárida do estado.

Fevereiro – para este mês de fevereiro de 2015 a perspectiva é que o consumo de energia elétrica no estado cresça cerca de 7,0% em comparação com fevereiro de 2014. A Cosern encerrou o ano de 2014 com 1.303.616 clientes.

Para este ano de 2015, a previsão é que, o número de unidades consumidoras no Rio Grande do Norte aumente para 1.354.432, o que significa um acréscimo de 3,9% em relação ao ano passado.

Nenhum comentário: