terça-feira, 9 de junho de 2015

Governo propõe comissões para elaborar projeto de lei salarial e autonomia da UERN

Em audiência realizada na noite de ontem (08), os segmentos da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte se reuniram com o Governor do RN, Robinson Faria, buscando resolução para a paralisação da universidade que já chega há 15 dias.

No encontro, o governo apresentou a proposta de formar quatro comissões para discutir a situação da universidade com auxiliares. A proposição do Governo será apreciada pelos docentes na próxima quinta-feira (11) em Assembleia extraordinária na sede da Associação dos Docentes da Uern (Aduern) a partir das 9h.

As comissões elencadas pelo governo foram: Comissão de formulação de projeto de Lei para realinhamento salarial; Comissão para Autonomia da universidade; para Investimento na UERN; Comissão para discussão acerca das contas do Governo. A ideia do poder público é que os agrupamentos possam pensar conjuntamente uma solução para a greve.

O governo ainda propôs à categoria, a retomada da discussão acerca de investimentos na instituição a partir de julho e a criação de uma comissão independente dentro das entidades sindicais para analisar as contas do governo, hoje no limite legal da LRF.

Participaram da reunião, além do governador Robinson Faria, a chefe do Gabinete Civil, Tatiana Mendes Cunha, o secretário de Planejamento, Gustavo Nogueira, e pelo líder do governo na Assembleia Legislativa, o deputado Fernando Mineiro. 

Nenhum comentário: