sexta-feira, 17 de julho de 2015

Semarh perfura, instala e recupera poços para ajudar municípios em colapso, entre eles São Miguel

A equipe da Coordenadoria de Hidrogeologia (Cohidro) da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) está desde o início dessa semana na região do Alto Oeste para viabilizar a perfuração e instalação de poços tubulares em alguns municípios. A Semarh está concentrando as ações na região do Alto Oeste e no Seridó, priorizando os municípios que estão em colapso de abastecimento ou em sistema de rodízio.

Ontem (16), as equipes de fiscalização, perfuração e instalação estavam trabalhando na zona urbana de São Miguel, onde estão sendo perfurados sete poços e instaladas as bombas com chafariz para atender a cidade que está em colapso.

De acordo com o coordenador da Cohidro, Ranielle Linhares, as perfuratrizes estão cavando dois poços por dia e a meta é que até amanhã (17) já se tenham 15 poços aptos para serem instalados, na região do Alto oeste. “Estamos trabalhando em ritmo acelerado e em conjunto com a empresa contratada para analisar a vazão”, disse Ranielle.

De acordo com o Secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos, Mairton França, o objetivo da equipe é realizar todas as fases do processo, em um curto espaço de tempo, uma vez que a demanda por água é muito urgente. “Estamos trabalhando para agilizar o tempo entre a locação do poço até a liberação do chafariz para consumo da população”, ressaltou Mairton. “Esses poços perfurados, em São Miguel, vão ajudar no abastecimento da população nesse momento de colapso em que se encontra a cidade”, finaliza.

As próximas cidades a receberem as máquinas perfuratrizes serão Água Nova, Venha Ver e Paraná. Ontem (16), a equipe da Cohidro também fez uma vista técnica na cidade de Venha Ver, para analisar poços já perfurados, mas que precisam ser recuperados e hoje, uma parte continua em São Miguel e outra está em Riacho de Santana fazendo testes de vazão.

No início de julho, o Secretário Mairton França, assinou uma ordem de serviço para instalação de 71 poços e outra para recuperação de 70 poços em comunidades rurais e zona urbana de municípios decretados em situação de emergência pela seca.

Os poços tubulares são utilizados para abastecimento dessas comunidades que necessitam do aumento da oferta de água para a produção agrícola e pecuária, bem como para o consumo humano e animal. 

*Semarh

Nenhum comentário: