segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Município de Passagem escolheu ontem os novos comandantes do executivo municipal

Às 17h56min deste domingo (8) foi concluída a apuração dos votos da eleição suplementar do município potiguar de Passagem que deu a vitória a Tota Fagundes como prefeito e a Luciano Silvestre como vice-prefeito do município, ambos do PMDB, pela coligação “Passagem vai votar para se libertar”. Durante toda a eleição nenhuma urna apresentou problema e a eleição transcorreu em clima de tranquilidade.

Dos 3.597 eleitores aptos a votar, 3.066 compareceram às urnas, o que representa uma abstenção de 14,76 %. A coligação vencedora obteve 1.312 votos (44,15 % dos votos válidos), Lívia Laisy Lima Torres Silva e Ricardo Romeiro obtiveram 887 votos enquanto que Lucinaldo Chaves e “Irmãos Robson obtiveram 773 votos. 21 eleitores votaram em branco (0,68 %) e 73 votaram nulo (2,38 %).

O que motivou o novo pleito eleitoral em Passagem a cassação do mandato de José Pereira Sobrinho, conhecido como “Dede de Babá”, e Josefa Cristiane Dionizio Chacon (ex-prefeito e vice), ambos do DEM, por abuso de poder político e econômico (RESPE n° 1153-48.2012.6.20.0013 que manteve o acórdão do TRE-RN e a sentença do juízo da 13ª zona).

Além do município potiguar de Passagem, os eleitores do município de Canas, em São Paulo, também voltaram às urnas neste domingo (8) para eleger os novos chefes do poder executivo municipal.

Em Canas, o vencedor da eleição foi Lucemir Amaral (PSDB), da Coligação “Unidos somos Mais”. Seu vice é Angelo Graglia (DEM). Eles foram declarados vencedores com 55,99% dos votos válidos, que corresponde a 1.574 votos dos eleitores. A votação no município foi tranquila ao longo do dia e registrou o comparecimento de 2.932 eleitores. Foram ainda registrados 50 votos em branco e 71 votos nulos.

Nenhum comentário: