terça-feira, 13 de setembro de 2016

Vila Cidadã de São Miguel é marcada pelo programa Microcrédito

A cidade de São Miguel recebeu no último sábado (10) na Praça de Eventos Maestro Pedro Rufino dois eventos do governo do Estado do Rio Grande do Norte: o Vila Cidadã, que registrou cerca de 2 mil atendimentos, e o lançamento do Programa Microcrédito do Empreendedor, beneficiando 250 pessoas do município e também de Doutor Severiano.

A nona edição do Vila Cidadã teve como tema “Setembro Cidadão”, que chama a atenção para a importância da cidadania como instrumento de equilíbrio social e da consolidação do processo democrático. É a quinta vez que o evento ocorreu fora de Natal. Nas oito edições anteriores, foram registrados 18 mil atendimentos. Cerca de 100 servidores são destacados a cada edição para garantir a fluidez e plena execução do projeto.

Foram oferecidos, entre outros, exames de saúde como o teste rápido de dengue, glicemia e verificação de pressão arterial, todos através da Secretaria de Estado da Saúde Pública, e produções da carteira de identidade, por meio do ITEP, e o CPF através da Central do Cidadão, além do serviço para adquirir a carteira de habilitação expedida pela Detran/RN. Esta edição do Vila Cidadão também enfocou a erradicação do trabalho infantil e atividades recreativas para as crianças.

De acordo com o governador Robinson Faria, o Vila Cidadã é uma prova de que é possível levar o governo aos mais humildes. “A nossa ideia é que o governo vá até o povo e não o contrário. Com o Vila Cidadã nós queremos garantir a dignidade das pessoas e evitar que eles se desloquem da sua cidade para resolver problemas que podem muito bem ser solucionados com essa ação”, disse.

Entrega de cheques - Ação bastante esperada no evento, o lançamento do Programa Microcrédito do Empreendedor entregou 250 cheques para pequenos comerciantes formais e informais das duas cidades, previamente cadastrados. Ao todo, foram injetados na economia local cerca de R$ 800 mil. Foi a segunda vez em menos de uma semana que o programa voltou-se para o Oeste. Na quinta-feira (8), Alexandria, São Francisco do Oeste e Marcelino Vieira tiveram 400 empresários locais beneficiados com a iniciativa.

O Microcrédito do Empreendedor é uma ação desenvolvida pela Sethas, por meio da Agência de Fomento do Rio Grande do Norte. Lançado em outubro de 2015, a ação já alcançou 69 cidades, contando com as duas de hoje, e é um projeto pioneiro. Até o momento, já foram realizadas 4.613 operações de créditos. O programa do Microcrédito já adicionou à economia do Rio Grande do Norte mais de R$ 10 milhões.

A expectativa é que até o final de 2018, os recursos investidos pelo Governo do Estado no programa cheguem a R$ 40 milhões e beneficiem cerca de 20 mil empreendedores em todo o Estado. As atividades que mais buscam o benefício são: comércio, artesanato, salões de beleza, oficinas mecânicas e pequenos negócios (como vendedoras de cosméticos).

O Microcrédito financia em até R$ 3 mil o empreendedor informal e em até R$ 6 mil o empreendedor formalizado, com atendimento individual ou em grupos de três a cinco pessoas. As taxas de juros são de 1,5% ou 1,7% ao mês. O prazo para pagar o financiamento é de até 12 meses e quem paga em dia tem desconto de 100% dos juros.

Apenas em São Miguel,  113 empreendedores foram beneficiados  e R$ 340 mil serão inseridos na economia da cidade em atividades como artesanato, comércio informal e oficina mecânica.

Sobre o lançamento do Microcrédito para empreendedores de São Miguel e Doutor Severiano, o governador falou: “O programa é um dos mais importantes desenvolvidos pela nossa gestão. Nós estamos enfrentando a crise oferecendo oportunidades para que pessoas possam usar a criatividade e desenvolver suas habilidades nas mais variadas áreas do comércio. Enquanto a crise ocasiona a demissão de pessoas nos grandes estados, nós damos a oportunidade de elas construírem a sua renda. Nós estamos enfrentando e ganhando a crise com criatividade“, declarou.

Nenhum comentário: