quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Brasil tem 147,3 milhões de eleitores aptos a votar nas Eleições 2018


No próximo dia 7 de outubro, 147.302.354 eleitores brasileiros poderão votar nos representantes políticos de sua escolha. Este ano, além de eleger o novo presidente da República, os brasileiros em dia com a Justiça Eleitoral vão escolher deputados federais, deputados estaduais ou distritais, dois senadores por estado e o governador de cada uma das 27 Unidades da Federação.

O número oficial de eleitores foi anunciado na manhã desta quarta-feira (1º) pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, durante a inauguração do Centro de Divulgação das Eleições (CDE). As informações são oriundas do Cadastro Eleitoral, banco de dados oficial sobre o eleitorado brasileiro, e referem-se às estatísticas auditadas até o final de julho após o fechamento do cadastro, no dia 9 de maio.

De acordo com os dados divulgados, esses 147,3 milhões de eleitores estão distribuídos pelos 5.570 municípios do país, bem como em 171 localidades de 110 países no exterior. As informações do eleitorado dizem respeito aos cidadãos brasileiros aptos a votar no pleito deste ano. Outros 1.409.774 eleitores não poderão votar nem se candidatar em 2018, por estarem com os direitos políticos suspensos.

As estatísticas da Justiça Eleitoral mostram que houve um aumento do eleitorado de 3,14% em relação às últimas eleições gerais realizadas no país, em 2014. Naquele ano, 142.822.046 brasileiros estavam em condição de votar. O quantitativo de eleitores no exterior, em especial, teve elevação expressiva nos últimos quatro anos, saltando de 354.184 para 500.727 eleitores em 2018, o que representa um aumento de 41,37%.

Segundo dados do Cadastro Eleitoral, a maior parte do eleitorado brasileiro pertence ao gênero feminino. Ao todo, são 77.337.918 eleitoras, o que representa 52,5% do total. Já o gênero masculino reúne 69.901.035 cidadãos, representando 47,5% do eleitorado.

Biometria - O número de cidadãos que serão identificados por biometria também cresceu nestas eleições. Em 2018, eles somam 73.688.208 eleitores (50,03% do total). Em 2014, o quantitativo de eleitores com identificação digital em municípios com reconhecimento biométrico totalizava 21.677.955 pessoas, o que correspondia a 15,18% do eleitorado. O crescimento, de uma eleição geral a outra, foi de 239,92%.

Maior colégio eleitoral - Estado com a maior população do país, São Paulo continua a ser o maior colégio eleitoral brasileiro, com 33.040.411 eleitores. O segundo maior eleitorado está em Minas Gerais, que soma 15.700.966 votantes, seguido pelo Rio de Janeiro, com 12.406.394 cidadãos aptos a participar do pleito este ano.

O município brasileiro com maior número de eleitores é São Paulo, que reúne 9.052.724 cidadãos em condições de votar. O município com menor número de eleitores é Serra da Saudade (MG), que tem 941 eleitores registrados.

RN tem 2.373.619 eleitores aptos a votar este ano

Três municípios do Rio Grande do Norte concentram 35,8% do total de eleitores do estado. Natal, Mossoró e Parnamirim têm juntos, 850.312 eleitores. Em todo o estado são 2.373.619 eleitores aptos a votar nas eleições de 2018. O pleito acontece no dia 7 de outubro.

A capital potiguar é a cidade com o maior número de eleitores: 557.109. Em seguida estão Mossoró com 174.189 e Parnamirim com 119.014. Os 14 municípios da região metropolitana de Natal têm 986.677 eleitores, o que corresponde a 41% do total de eleitores do estado. A cidade com o menor número de eleitores no RN é Viçosa que tem 1.697 pessoas aptas a votar.

10 cidades do RN com mais eleitores

1º - Natal - 557.109
2º - Mossoró - 174.189
3º - Parnamirim - 119.014
4º - São Gonçalo do Amarante - 65.066
5º - Ceará-Mirim - 51.506
6º - Macaíba - 49.803
7º - Caicó - 42.795
8º - Assú - 41.799
9º - Currais Novos - 30.007
10º - São José de Mipibú - 30.000

Nenhum comentário: