terça-feira, 23 de outubro de 2018

Fátima tem 42% e Carlos Eduardo 38%, aponta Pesquisa SETA/Blog do BG

A candidata do PT e o candidato do PDT ao governo do Estado estão tecnicamente empatados pelo governo do Estado do Rio Grande do Norte é o que aponta a nova pesquisa do instituto Seta divulgada nesta terça-feira (23) pelo Blog do BG.

No levantamento estimulado total de votos, que considera brancos e nulos, Fátima tem 42%, contra 38% de Carlos Eduardo Alves. Ninguém, brancos e nulos são 14% e 6% não sabem ou não souberam responder.

Levando em consideração apenas os votos válidos, forma pela qual a Justiça Eleitoral contabiliza os votos, excluindo brancos, nulos e indecisos, os dois candidatos que disputam o segundo turno do governo do RN estão tecnicamente empatados, contudo, Fátima está numericamente à frente com 52% dos votos. Já Carlos Eduardo aparece com 48%.

REJEIÇÃO - Os dois candidatos que disputam o governo do Estado também dividem em patamares semelhantes os índices de rejeição. Fátima Bezerra é rejeitada por 26% do eleitorado, enquanto Carlos Eduardo tem a rejeição de 23%. Ninguém, brancos e nulos são 31% e 20% não souberam ou não quiseram responder.

A pesquisa foi realizada entre 19 e 21 de outubro em todas as regiões do Estado e ouviu 1.300 eleitores. O índice de confiança é de 95% e a margem de erro, de 3%. O levantamento foi registrado sob o protocolo RN-0533/2018 e BR-04314/2018.

No RN, Haddad tem 43% e Bolsonaro 39%
O candidato do PT à Presidência da República tem 43% de citações no levantamento estimulado do Instituto Seta sobre a preferencia dos eleitores potiguares. Jair Bolsonaro aparece imediatamente atrás, com 39% das citações. Ninguém, brancos e nulos são 14%, e 4% não souberam ou não quiseram responder.

Quando são considerados apenas os votos válidos, os candidatos do PT e o do PSL estão tecnicamente empatados entre os eleitores potiguares. Fernando Haddad tem 52%, contra 48% de Jair Bolsonaro, de acordo com o Instituto Seta.

REJEIÇÃO - Os dois candidatos que disputam a Presidência da República também dividem os números em patamares semelhantes quando o assunto é rejeição. Jair Bolsonaro é rejeitado por 34% dos potiguares, enquanto 30% dos potiguares rejeitam Fernando Haddad. Ninguém, brancos e nulos são 24% e 12% não souberam ou não quiseram responder.

Nenhum comentário: