quarta-feira, 10 de abril de 2019

Projeto Minha Escola em Cordel foi lançado pela Escola Municipal Avelino Pinheiro


Despertar o artista que há no aluno. Esse é o objetivo do projeto Minha Escola em Cordel, iniciativa capitaneada pelos professores da Escola Municipal Avelino Pinheiro. Para além do gosto pela literatura de cordel, o projeto estimula ainda outros talentos, como a produção de gravuras e desenhos. Pelo menos 320 alunos serão beneficiados com a ação literária, que foi lançada nesta quarta-feira (10), em São Miguel.

O lançamento do Minha Escola em Cordel foi marcado por apresentações culturais, iniciando com a performance de professores declamando o cordel “O buraco do tatu”, com a apresentação das alunas Taueênia e Ismaelly, que dançaram as músicas “Meu pé de serra”, de Luiz Gonzaga e “Não deixo não”, de Mano Walter, finalizando com o violeiro Pedro Lourenço.

Olimpíada - De acordo com a professora de língua portuguesa e uma das responsáveis pelo projeto, Celina Freitas, os alunos da Avelino Pinheiro poderão se beneficiar, caso participem este ano da Olimpíada de Língua Portuguesa. A professora destaca que gênero “cordel” será umas das competências utilizadas pela competição.

Nenhum comentário: