quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Governo do estado investirá R$ 55 milhões em casas populares para 60 municípios do RN

Mais de quatro mil potiguares de 60 municípios terão direito a uma moradia digna dentro dos próximos anos com o investimento de R$ 55 milhões que será feito pelo Governo do Estado, em parceria com a Caixa Econômica Federal e com as prefeituras, na construção de mil casas populares. A ação atende cidades espalhadas por todas as regiões do Rio Grande do Norte.
A média de investimento por município será de R$ 800 mil, com a construção de pelo menos 14 moradias em cada localidade. A verba é fruto do programa Pró-Moradia, que estava paralisado desde 2007 e com risco de ser cancelado até o início de 2019, mas terminou recuperado pelo Governo do RN depois de negociações junto ao Governo Federal e pela garantia de contrapartida de R$ 11 milhões que foi dada pela gestão estadual.
A adesão dos municípios ao programa Pró-Moradia foi simbolicamente formalizada na tarde da última segunda-feira (14), com a presença de mais de 30 prefeitos – além de vice-prefeitos e vereadores – em solenidade realizada na Governadoria.
A governadora Fátima Bezerra e o prefeito Grimalde Lins, de Senador Elói de Sousa, representando os municípios beneficiados, assinaram o termo, contando ainda com a presença do vice-governador Antenor Roberto, do deputado federal Benes Leocádio, dos deputados estaduais Isolda Dantas, Francisco Medeiros, Kleber Rodrigues e Eudiane Macedo, a prefeita de Riachuelo e vice-presidente da Federação dos Municípios do RN (Femurn), Mara Cavalcanti, e a secretária de Estado da Habitação, do Trabalho e da Assistência Social, Íris Oliveira.
As prefeituras receberam da CEHAB um pacote de documentos e informações necessárias para concluir a parceria, incluindo a minuta do projeto de lei que concederá os terrenos municipais para a construção das casas.
A escolha das 60 cidades que receberão as casas foi feita pela Companhia a partir de critérios técnicos, como o déficit habitacional dos municípios e a quantidade de famílias em situação de risco social. “A escolha técnica mostra que o republicanismo impera no Governo. Uma ação como essa representa trazer dignidade para o povo que terá sua casa e também poderá acreditar no trabalho sério dos gestores”, pontuou a prefeita de Jandaíra, Marina Dias, que discursou em nome dos gestores municipais.
Confira a lista das cidades que receberão as casas: Arez, Almino Afonso, Apodi, Baía Formosa, Bom Jesus, Carnaubais, Campo Grande, Caiçara do Norte, Caraúbas, Currais Novos,  Cruzeta, Doutor Severiano, Encanto, Elói de Souza, Espírito Santo, Extremoz, Fernando Pedrosa, Frutuoso Gomes, Goianinha, Governador Dix-Sept Rosado, Jandaíra, Janduís, Jucurutu, Lagoa Salgada, Lagoa de Pedras, Macaíba, Marcelino Vieira, Maxaranguape, Messias Targino, Montanhas, Monte Alegre, Monte das Gameleiras, Natal, Nísia Floresta, Nova Cruz, Parelhas, Passagem, Patu, Pedro Avelino, Pendências, Portalegre, Riachuelo, Santana do Matos, Santo Antônio do Salto da Onça, São Bento do Norte, São Bento do Trairi, São Gonçalo do Amarante, São José do Campestre, São José de Mipibu, São Rafael, Serra de São Bento, Serrinha, Severiano Melo, Tangará, Tenente Laurentino Cruz, Triunfo Potiguar, Umarizal, Upanema e Viçosa.

Nenhum comentário: